Páginas

12 de março de 2011

"Gatos, A Emoção de Lidar"


     A autora deste livro foi uma importante psiquiatra, que revolucionou o tratamento de seus pacientes com transtornos psíquicos, por meio da convivência com animais, em específico, o gato! O livro traz poemas sobre gatos e a relação que os homens têm com esse animais. Livraria Cultura




Ao perceber que a responsabilidade de cuidar de um animal e o desenvolvimento de laços afetivos pode contribuir para a reabilitação de doentes mentais, Nise da Silveira os incorporou a seu trabalho como co-terapeutas.Ela foi pioneira da psicologia junguiana no Brasil. Foi membro fundadora da Sociedade Internacional de Expressão Psicopatológica, em Paris.
"Cultivo muito a independência. Por isso gosto do gato. Muita gente não gosta pela liberdade de que ele precisa para viver. No circo você vê tigre e urso, mas não vê um gato. O gato é altivo, e o ser humano não gosta de quem é altivo."


"A introdução de animais como co-terapeutas foi o que em minha vida mais me fez sofrer. Fui ridicularizada. De modo que me liguei muito a outros países onde a psiquiatria era mais desenvolvida. Há várias correntes de tratamento, muitas hoje eu nem conheço. Mas não houve um grande avanço. Ainda se confia muito no remédio. Remédio não me parece muito eficiente. Pode ter efeito paliativo, mas não curativo. Confio mais no afeto e na ação curativa da alegria."

"Um diálogo é estimulante. A solidão também."

"Os gatos são excelentes companheiros de estudos, amam o silêncio e cultivam a concentração. "

"A palavra que mais gosto é liberdade. Gosto do som dela. "

"Não sou muito do passado. Sou do futuro, quem olha muito para tras, fica."

"O que melhora o atendimento é o contato afetivo de uma pessoa com outra.."

"O que cura é a alegria o que cura é a falta de preconceito."

"Eu poderia ter feito um livro que acentuasse mais as maldades que as pessoas fazem com os animais. Mas a tristeza não acrescenta muito."

"Estou cada vez menos doutora, cada vez mais Nise."
NISE DA SILVEIRA

4 comentários:

  1. Nise da Silveira bebeu do 'leite da bondade humana'. Sou devota de sua bondade e da sabedoria com que abriu caminho para a sanidade nos tratamentos psiquiátricos no Brasil. Amo a companhia dos gatos! Adorei seu blog!

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada, Andrea! Bem-vinda. Adorei conhecer o 'leite da bondade humana'!

    ResponderExcluir
  3. amei o blogg!!!! sou fã de Nise... bjs felinos

    ResponderExcluir
  4. amei o blogg, sou fã da Nise e de gatos...... bjs felinos

    ResponderExcluir

Miaow! Meow!